Primeiro condomínio solar do Brasil em geração distribuída

1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 Rating 0.00 (0 Votes)

marcus rissel

Uma pequena cidade no Ceará, chamada Tabuleiro do Norte, abriga hoje o primeiro condomínio solar em geração distribuída do Brasil. Foi lá que escolhemos abrigar, em 35 mil metros quadrados, 3.420 placas fotovoltaicas que, com potência total instalada de 1.060 kWp, gerarão o suficiente para abastecer cerca de 900 residências por dia, ou melhor, farmácias.
Isto porque a rede de farmácias Pague Menos, no Ceará, foi o primeiro cliente a alugar todos os lotes do empreendimento. A energia gerada pelo condomínio solar da Prátil será injetada na rede da Coelce, distribuidora de energia do estado do Ceará, que por sua vez fará a compensação em KWh da energia gerada na conta de luz de lojas das Farmácias Pague Menos.

Essa modalidade de consumo de energia se chama Autoconsumo Remoto e foi uma das novidades - e vantagens! - trazidas pela Resolução Normativa 687 da ANEEL, em vigor desde março deste ano.O Autoconsumo Remoto amplia as possibilidades de geração de energia solar, pois possibilita que uma residência ou empresa que não tenha área disponível para a instalação dos painéis solares ainda possa se beneficiar com as vantagens da geração distribuída, isso porque ele permite que a geração seja em um local diferente do local de consumo, desde que esteja dentro da mesma área de distribuição. Já falamos sobre todas as mudanças trazidas pela Resolução 687 em nosso blog, acompanhe por lá e não perca mais nenhuma novidade do setor.condominio solarAlém disso, outra medida que deixa a produção de energia por micro e minigeradores mais atrativa no Ceará é que não há mais cobrança de ICMS. Atualmente, a medida é válida para o Distrito Federal e mais 19 Estados, incluindo o Ceará.
Única varejista presente em todos os estados brasileiros e no Distrito Federal, a rede de Farmácias Pague Menos receberá 1.750 megawatts/hora (MWh) por ano para atender a rede de lojas no estado do Ceará, o que representará uma economia em torno de 8% por mês na conta de luz. E com a revisão da resolução, além da Pague Menos poder escolher quais lojas serão beneficiadas, ela também define qual a o percentual de energia será destinado a cada uma.
Estamos muito felizes com essa parceria repleta de inovação e sustentabilidade. E um muito obrigado ao Ceará, a Terra do Sol!